Conto de fadas inventado!

26 Out



Amor, você que eu tanto amei, que tanto confiei…

Perdoe-me por não ser exatamente o que você quer, mas é que eu não sei o que você quer!

Eu que me odeio tanto, por não conseguir vê-lo partir… Por ser tão frágil, por ficar tão vulnerável quando você não está aqui!

Eu que sou a causadora de tanto sofrimento. Me perdoe meu amor, me perdoe por te magoar, mas eu que sou tão infantil não entendo porque é tão complexo amar.

Querido, seja feliz e liberte-se de todo esse teu orgulho besta!

Apenas finja que me ama e viveremos felizes para sempre nesse nosso terrível conto de fadas inventado!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: