Arquivo | Setembro, 2011

Novidades Literárias #5

27 Set

Olá galera, o blog Sonhos entre Pontinhos está cheio de novidades para vocês! 😀

Está rolando muita coisa boa por aí. Vamos conferir!?

Primeiro quero divulgar uma super novidade que me deixou muito feliz! A Editora Martin Claret, está aderindo as Redes Sociais, isso é muito importante para facilitar a comunicação. Estou orgulhosa deles e desejo que cada vez mais, venham mais novidades para nós. Então que tal conhecermos o Facebook, o Twitter e novo Blog da Editora? =) Eu aposto que vocês não se decepcionaram.

Outra super novidade é que enfim saiu a SINOPSE do livro Porque eu amei, do Roque Neto, que será lançado pela Editora Dracaena. Que tal correr para add o livro no Skoob?

Ou você pode conferir todas as novidades no site do Autor Roque Neto: http://www.roqueneto.com.br

Sinopse: Às vésperas de ser nomeado bispo e realizar o grande sonho de sua mãe, padre José Lucas se apaixona pela primeira vez. Seu relacionamento com Thomas lhe proporciona as delícias e as incertezas do primeiro amor, e uma pausa na rotina de suas atividades religiosas. Entretanto, aquilo que separa as duas faces de sua vida será colocado à prova quando os segredos que os amantes escondem um do outro forem revelados. José Lucas deverá tomar uma decisão: assumir sua verdadeira identidade ou continuar realizando os desejos de sua mãe, a quem, aliás, o jovem padre não consegue contrariar. “Porque eu amei” é uma parábola sobre a necessidade de fazer escolhas, assumir consequências e, finalmente, se tornar aquilo que sempre sonhou ser. Em sua segunda obra literária, Roque Neto lança a patamares ainda mais altos sua habilidade de surpreender leitores e fazê-los famintos daquilo que está por vir. Publicado pela editora Dracaena, “Porque eu amei” tem o Prefácio escrito pelo autor americano Lev Raphael.

E por fim, porém não menos importante uma super novidade! rs

É que o livro de lançamento do selo Jangada, do Grupo Editorial Pensamento, Nascida á Meia-Noite pode virar filme! É isso mesmo! ;D Não é o máximo!?

 

A Editora liberou através do Issuu os primeiros 4 Cpítulos do livro Online, não é maravilhoso? É uma boa pedida, para quem está curioso sobre o livro, mas está com um grave receio em comprá-lo!

Você poderá conferir também o Teaser do livro.

O possível Elencon conta com a presença de Bridgit Mendler, Nick Roux, Cameron Diaz, Avan Jogia, Lucy Hale. Entre outros. Confira a lista completa ~> (AQUI)

E aí quem gostou das novidades? 😀

Fiquem ligados que em breve teremos muito mais! \o/

Beijos,

 Camila Leite,

Anúncios

Capital Inicial <3

25 Set

Uma das melhores e mais antigas bandas de Rock Brasileiro, Capital Inicial, fez e continua fazendo história. Acho que eu não preciso ficar aqui enchendo-os de informações que vocês podem procurar na internet e achar mais facilmente e um conteúdo bem mais amplo. Enfim. Eu vim compartilhar com vocês algo inédito. rs

Até segunda ordem. Eu me declara uma devota HATER de Capital Inicial, não é que eu tivesse algo de realmente válido contra a banda. Eu curtia as músicas em festinhas, mas nunca tive uma sequer tocando no meu computador, que dirá no meu mp4 (eu ainda sou pobre, desculpa).

Acontece, que sempre conhecia o trabalho da banda por alto. Por músicas que ouvia nas festas ou nas rádios e nos programas de Tv por acaso.

Quando o Dinho sofreu aquele terrível acidente, confesso que amoleci um pouco no julgamento da Banda, mas ainda assim, não era o suficiente para me auto denominar Fã.

Mas hoje, mudei totalmente o conceito que eu tinha sobre a Banda. E declaro com todo orgulho. Capital Inicial é uma das melhores, se não a Melhor banda de Rock Nacional.

Hoje no Rock in Rio, foi muito emocionante a reação da platéia enquanto tocava Primeiros Erros – (pena que assisti de casa). E foi a primeira vez que chorei assistindo á um show pela televisão. Eu realmente me arrepiei com a recepção da platéia. E o  quanto os meninos/rapazes   Dinho Ouro Preto, Flávio Lemos, Fê Lemos, Yves Passarell e, os músicos de apoio Robledo Silva e Fabiano Carelli estavam felizes… O Dinho foi todo fofo, preocupado com o rapaz que estava passando mal na platéia, distribuindo sua própria água, para o público. Parabéns Dinho, você realmente subiu no meu conceito.

Eu quero pedir minhas sinceras desculpas por ter julgado a banda sem ao menos conhecê-la direito! E dizer que todos nós temos o direito de mudar de opinião e de gostos, afinal, nós humanos estamos sujeitos a constantes mudanças. Então me respeitem. E eu ainda quero ir á um show deles. Espero que a banda possa seguir firme, durante muito mais do que 30 anos! Pois eles merecem!

Espero que vocês se emocionem, como eu me emocionei!

CAPITAL INICIAL,

UM GRANDE BEIJO, DA SUA MAIS NOVA FÃ

Parabéns Sonhos entre Pontinhos

20 Set

Neste mesmo dia a um ano atrás, surgia o Sonhos entre Pontinhos. Eu, Camila Leite, totalmente inexperiente no assunto, porque apesar de já ter tido 542638 mil blogs, nenhum tinha dado enfim certo. Decidi ingressar de vez neste curioso mundo dos blogs.

E então fiz meu primeiro post’ Cruel Coração, aquela antiga história de que “O blog me ajudou a superar uma grande desilução” Não é e nem nunca foi uma mentira. E então eu quis compartilhar um Sonho, mas ainda achava que eu tinha um Cruel Coração II. Eu estava completamente perdida no começo do blog. Eu sabia, na verdade, sempre soube que queria ter um blog, mas nunca defini um assunto para tratar, você pode perceber minha confusão neste post’ AQUI! 

E então decidi falar sobre Moda, Música, Comportamento, Filmes e finalmente decidi mostrar a todos meus Contos e Crônicas e as minhas idiotas Cartas para Ele. Hoje em dia eu leio alguns e penso, – Caramba! Que grande porcaria! – E outros eu até acho bonitinhos 😐 E enfim conheci o incrível mundo das Resenhas!

Por causa do blog conheci muita gente legal, como a Tati Canto, que foi uma das primeiras blogueiras que conheci e que me levou ao Fashion Rio! *-* Conheci blogueiras incríveis, como a Miriam do Livros Bobagens e Guloseimas, a fofa da Welen Medeiros do Ideia ao², a linda da Marina Moura do Minha vida por um livro, a Carolina Fabris, a mulher mais linda do Brasil que agora está loira! *-* A Mariana do Tijolinhos de Papel, as meninas lindas do Batalha Literária, a LINDA da Raffa Fustagno, a fofa da Gabi Puppe e mais uma lista interminável, de queridíssimas!

Agradeço a vocês, por terem comemorado comigo os aniversários de pessoas que são importantes para mim, como o meu Irmão João Pedro, Minha Irmã Caroline, meu amigo Igor Vinícius, meu amigo Yago o dia das Mães e enfim o MEU aniversário! \o/ (não necessariamente nessa ordem). Sem contar as comemorações de Ano Novo, Páscoa e etc.

Caramba eu nem sei como agradecê-los por me aturar todo esse tempo, porque eu sou chata demais. rs =) – E eu amo vocês demais.

Quero mandar um beijo especial para as minhas Parcerias, A Editora Dracaena, a Novo Conceito, a Martin Claret, a Novo Século, a Porto de Idéias, a Sextante, a Editora Patuá e o Grupo Editorial Pensamento. Os blogs, Entre Fatos e Livros, Beco da Imaginação, o Book is a life, o Feed your head e o Úteis e Bizarros, do meu queridíssimo amigo Erick.

E agradecer a todos que acompanham meu blog, obrigado pelas dicas, pela ajuda, pela força, pela divulgação, pela amizade, pela troca de informações. Agradeço, porque a cada dia eu aprendo uma coisa nova com vocês!

Se não fosse pelo blog, talvez eu nunca conhecesse a Van Bosso e talvez esse ano eu não fosse á Bienal do Livro, e não conhecesse, a Leila Rego, a Tammy Luciano, a Carol Sabar, o pessoal do Sobre Livros, a Alyson Noel.

Ah gente, são tantas coisas e tanta gente para a agradecer que eu até perco as palavras, eu realmente AMO CADA COMENTÁRIO! E amo o retorno que vocês me dão. Eu amo vocês de uma forma inexplicável. Obrigado por fazerem parte da minha vida. Obrigado por me fazer uma pessoa melhor.

Eu realmente AMO vocês.

Resenha: Jogo de Poder – Valerie Plame Wilson – Editora Seoman

18 Set

 Edição: 1
 Editora: Seoman
 ISBN: 9788598903262
 Ano: 2011
 Páginas: 432
 Tradutor: Celina Cavalcante Falck-Cook

Skoob: Livro

Onde Comprar: Livraria Cultura.

Sinopse: Em Jogo de Poder, Valerie Plame Wilson, ex-agente da CIA, tem sua vida e carreira devastadas por acusações falsas criadas pela Casa Branca e o governo Bush por falar abertamente a verdade do poder constituído. A autora assistiu de camarote tanto à politização do serviço secreto pré-guerra quanto aos esforços da Casa Branca para evitar as críticas pós-invasão. Ela foi sacrificada, tal como um Bode Espiatório, o canário que era colocado nas minas de carvão para servir de alerta contra vazamentos de gás. Seu livro representa um testemunho muito sério sobre o clima insalubre da política atual nos Estados Unidos.

Jogo de Poder é um livro muito difícil de falar sobre. Porque não é uma personagem, não é uma história fictícia. São pessoas reais, tratando de assuntos reais, fatos que realmente aconteceram. Valerie Plame, era uma verdadeira Patriota que serviu ao seu País, com amor e devoção e sacrificou não somente sua vida, mas como a vida de sua família para servir ao País e tudo o que recebeu em troca, fora uma grande traição.

Jogo de Poder, conta a estória de Valerie e como ela iniciou carreira como agente secreta, desde o treinamento na Fazenda até o momento da traição. Valerie mesmo após ter os gêmeos, continuou trabalhando na CIA, com uma carga horária menor, isso mesmo antes e depois do atentado terrorista de 11 de setembro. Tendo que ser Mãe, Mulher e Agente Secreta, Valerie cumpriu suas missões com louvor, até onde foi capaz.

Na época, os Estados Unidos estava procurando um motivo para começar uma Guerra contra 0 Iraque. Então começou-se as especulações de que o Iraque e países vizinhos estavam comprando urânio e que  tinham em seus domínios armas nucleares e que a qualquer momento poderiam iniciar a Guerra. Então um dos agentes que trabalhava com Valerie, recomendou que o marido de Valerie, Joe Wilson, ex-embaixador aposentado, fosse a Níger, para tentar descobrir toda a verdade. Se os iraquianos possuíam ou não o urânio. No laudo de Joe, ele afirmava que não haviam provas de que os iraquianos possuíam o material necessário para a construção de uma bomba nuclear, mas o presidente Bush, afirmou em um discurso que os Estados Unidos da América continham provas concretas de que eles possuíam sim, os materiais. Então os Estados Unidos declarou Guerra contra o Iraque, alegando que agiriam dessa forma, para que o Iraque não os atingisse primeiro.

Joe indignado com tamanha mentira, decidiu levar a público as informações que ele obteve na viagem até Níger. E então era apenas um homem, contra toda a América, o governo americano não ficou nada feliz com a exposição que Joe fez. Não contendo provas para incriminá-lo o Governo decidiu revelar a identidade de sua esposa Valerie, que era agente da CIA, na coluna de Robert Novak, em um jornal, em 2003.

Eu acabei de assistir ao filme e a prova que eu tive é que os produtores, roteiristas e até a própria Valerie não souberam como cativar o público, mas não devemos culpá-los, pois você transformar um livro de história em um ficção não é uma tarefa realmente fácil de se realizar. Para mim, o livro Jogo de Poder não passa de um livro de história, com um pouco mais de ação. O livro não é de todo o ruim, apesar das tarjas pretas, e de você ficar indubitavelmente perdido por causa delas. É uma história impactante com certeza e mostra como funciona as leis de um País, movido pelo dinheiro e pela busca do poder.

Jogo de Poder não é um livro fácil de se ler. A leitura, é pesada e cansativa, pelo fato de ser um livro bem detalhista, eu acredito que não poderia ser diferente, pois a vida de uma agente secreta realmente não deve ser fácil, deve ser bem complicado manter várias vidas paralelas á sua real. Porém eu acredito que eles poderiam ter feito melhor. Acho que eles poderiam ter feito uma adaptação, sei lá, só uma sugestão, mas poderiam ter colocado Valerie para narrar os fatos para uma autora de verdade. Pois ela pode ter sido agente secreta da CIA, mãe, mulher. Mas, ela definitivamente não era escritora.

Biografias definitivamente não são minha praia. Mas, se você quiser conhecer um pouco melhor a história dos Estados Unidos e a guerra com o Iraque, ou até mesmo entender como funciona a vida e como é a rotina de uma Agente Secreta da CIA o livro é recomendável. Mas é preferível que você tome muito café, relaxe e tenha paciência, porque esse livro lhe tomará muito tempo.

Elenco: Naomi Watts, Sean Penn, Ty Burrell, Bruce McGill, Brooke Smith, Michael Kelly, David Denman.

 Direção: Doug Liman

 Gênero: Ação/Suspense

 Duração: 106 min.

 Distribuidora: Paris Filmes

Destaque para o filme, que colocaram uma atriz muito boa e que na minha humilde opinião, além de parecer com a verdadeira Valerie, desempenhou um ótimo papel, ao representar, Naomi Watts. E para mim o ponto forte do filme, fora a atuação de Sean Penn (que estava perfeito) incorporou o personagem de uma maneira formidável.

Beijos.

Camila Leite.

Resenha: Não sou esse tipo de garota – Siobhan Vivian – Editora Novo Conceito

16 Set

 Título: Não sou esse tipo de garota – Siobhan Vivian

 Edição: 1

 Editora: Novo Conceito Jovem

 ISBN: 9788563219381

 Ano: 2011
 Páginas: 248

 Skoob: Livro

  Sinopse: Perversa ou inofensiva? Confiável ou hipócrita? Controlada ou insensata? A vida é sobre suas decisões e escolhas, e Natalie Sterling se orgulha de sempre fazer as melhores. Ela ignora os caras populares e babacas da escola, sempre ganha medalhas de honra e está prestes a ser a primeira estudante jovem a ser presidente do conselho estudantil em anos. Se apenas todas as outras garotas fossem tão sensíveis e fortes. Como o grupo de novatas que querem ser brinquedos dos jogadores de futebol. Ou sua melhor amiga, que tomou uma decisão idiota que quase arruinou sua vida. Mas ser sensível e forte não é fácil. Não quando uma brincadeira quase a faz ser expulsa. Não quando seus conselhos dóem mais do que ajudam. Não quando um cara que ela já deu um fora se torna o cara que ela não consegue parar de pensar. A linha entre o certo e o errado foi distorcida, e cruzá-la poderá resultar em um desastre… ou se tornar a melhor escolha que ela já imaginou fazer.

Natalie Sterling é uma jovem sensata, centrada em tudo que faz. Atenciosa e boa amiga, ela sempre fora uma boa garota, durona com os garotos e até consigo mesmo, ela sempre achou que vivia uma vida, não perfeita, mas talvez até normal. Ela sempre achou que aquela era a vida que ela sempre idealizou. Mas quando o que era certo ‘supostamente’ tornou-se o errado. Sterling descobriu que havia muita coisa em sua vida que ela deveria repensar.

O que fazer quando sua melhor amiga não olha mais na sua cara, ou até mesmo que um garoto que você menos esperou, mostra interesses por você, ou pior ainda, quando você tenta defender uma pessoa que não quer ser defendida.

Comecei a ler Não sou esse tipo de garota ontem e terminei ontem mesmo. Foi paixão, amor, hipnoze na verdade! rs Sério gente, eu comecei a ler no ônibus de manhã no caminho do trabalho e estava devorando o livro a cada brechinha de tempo. Resultado, bati o recorde! Que eu me lembre nunca tinha lido um livro com tanta vontade e em tão pouco tempo (levando em consideração de que eu trabalho á tarde e estudo á noite).

O livro é leve, com personagens e a estória muito bem amarrada. Querem saber de UMA coisa que eu senti falta no livro? rs De uma descrição detalhada do carro de Natalie, não sei se eu que não prestei atenção, mas eu realmente queria saber como era. rs Fora isso o livro é incrivelmente perfeito.

Natalie é uma personagem cheia de si, mas que na verdade, tem muitos medos e inseguranças. O mundo dela desmorona quando tudo o que ela sempre acreditou passa a não ser verdade. O fato é que o problema não estava nos fofoqueiros do colégio, mas sim na própria Natalie, eu acredito que no decorrer de cada capítulo ela foi crescendo, se conhecendo e conhecendo novos sentimentos, que jamais havia experimentado antes. Seu teto de vidro havia finalmente quebrado, o que restava era saber qual a escolha era a certa. E afinal o que ou quem define o que é certo ou não? O que é certo para você, pode não ser para mim e vice and versa. rs

Autum, me irritou muito no final, e confesso que puxei um saquinho de Spencer. Apesar da ousadia de Spencer, ela se conhecia, ela realmente  sempre soube o que queria, quem era e o que deveria fazer, astuta e maliciosa, ‘foi fiel’ a amizade de Natalie até o fim. Acho que a amizade de Autum e Natalie fora baseada em cima da grande fraqueza/deficiência das duas. Uma por deixar que um erro do passado interfirisse no futuro e a outra pela incapacidade de entender que mesmo as pessoas sendo babacas, e idiotas, amigos são assim não é? Quem aqui não tem aquele amigo favorito que é um burrico? Mas que não o larga por nada?

O livro explora bem os pontos fracos dos adolescentes. Mostando de forma clara, as dúvidas que mais ‘nos’ perseguem – desculpe mas eu ainda me incluo nisso Okay? rs – Eu realmente gostei de ‘quase’ todos os personagens do livro. Menos do idiota do Mike e achei que ele merecia uma boa surra, por tudo que aprontou, mas a verdade é que quantos Mike Domkins existem por aí? Eles sempre existiram, e continuaram espalhando suas sementinhas do mal pelo mundo, mas a vida ensinou a Sterling que quando sabemos quem realmente somos, os Mike Domkins se reduzem a pó. Acho que alguém que se deva prestar atenção é Srta. Bee, ela é realmente alguém especial.

E quero pedir desculpas em público para Natalie Sterling! rs Porque eu desejei loucamente que o Connor fosse meu! rs Que menino mais fofo meu Deus, dá pra trazer ele pra minha casa agora de preferência? Obrigado. ^.^

Não sou esse tipo de garota, é realmente um ótimo livro e merece muito mais do que 5 estrelas, achei diferente dos livros ‘teen’s’ atuais que vem sempre com aquela mesma ladainha, além de superar minhas expectativas o livro me surpreendeu muito. Guarde um lugar especial na sua estante, este livro realmente merece todo o respeito do mundo.

Onde Comprar.

 

Sonhos entre Pontinhos apresenta: Coração de Tinta.

15 Set

Você deve estar se perguntando, mas o que é isso! o.O Se ela vai falar de um filme porque não colocou o famoso: Sessão Pipoca: Coração de Tinta? ARRÁ! Porque hoje não vim falar do filme e sim de um blog que foi batizado em homenagem ao filme! ^.^ Gostaram? Gostaram? rs Eu sei.

Bom galera, então é isso. Como o nome do post já sugere, hoje eu vim apresentar o “meu” mais novo – recém-nascido – blog.

O Coração de Tinta foi criado com o intuito de informar e distrair vocês com todas as novidades do Cinema e dos Seriados de Tv. Chega de ficar procurando loucamente por Google a fora aquela música da trilha sonora do seu filme favorito. Chega de recorrer ao Wikipédia, para saber o nome daquele personagem insignificante, que participou de uma cena importante, daquela sua série predileta. Quer saber quais são os atores escolhidos para aquele filme? A última adaptação cinematográfica daquele  Os indicados ao Oscar!? =)

Nós, isso mesmo eu disse nós, mas já já, eu explico, do Coração de Tinta, estamos aqui para procurar tudo isso por você!

O Coração de Tinta é composto por uma Equipe de 3 componentes! HAHA

Eu, Ana Paula Fernandes e Erick Duarte – amigos inseparáveis, escudeiros fiéis 😀 rs Não, nem tanto. rs Mas enfim. Eu espero que vocês realmente gostem e precisamos muito da ajuda de vocês galera! 😀

O blog já está no twitter, não deixem de seguir e ficarem ligados nas novidades! @_CoracaodeTinta

http://coracaodetintaace.blogspot.com/

Beijos, Caah ♥

 

Sessão Pipoca: Par Perfeito!

14 Set

Filme: Par Perfeito (Killers) 

Elenco: Ashton Kutcher, Katherine Heigl, Tom Selleck, Catherine O’Hara, Martin Mull, Katheryn Winnick, Casey Wilson, LeToya Luckett.

 Direção: Robert Luketic

Gênero: Ação

Duração: 90 min.

Distribuidora: Imagem Filmes

Sinopse: Jen (Katherine Heigl), conhece o homem perfeito. Seu nome é Spencer (Ashton Kutcher), ele é bonitão, educado e inteligente. Mas o que Jen não sabe, é que Spencer ganha a vida como matador de aluguel, contratado pelo governo. Eles vivem o casamento dos sonhos até que em uma bela manhã, o casal descobre que Spencer é o alvo de um golpe milionário. O que parecia ser um Par Perfeito transforma -se num jogo de vida ou morte, enquanto eles tentam lidar com sogros, sogras, casamento, manter as aparências e ainda sobreviver.

O que torna um casal perfeito? E será que realmente existe o conceito de perfeito um para o outro? Fugindo do título original, a tradução já deixa a desejar porque além de não combinar com o codinome Killers – nome original – (Assassinos), o filme não segue a linha de um casal perfeito.

Apesar de Ashton Kutcher e Khaterine Heigl, serem ótimos atores eu tive a estranha sensação de que ela era velha demais para ele. Não senti aquela ligação de personagens que se completam sabe, como em A filha do chefe, eu amo aquele filme e mesmo o personagem dele sendo inseguro e atrapalhado, acho que dá pra sentir que o casal tem uma sintonia.

O filme conta a estória de Spencer, um matador profissional que sonha em ter uma vida normal, construir família e conhecer pelo menos um de seus vizinhos e Jen, que após terminar com seu namorado porque ele era um canalha vai passar as férias com os pais em Nice, França.

Spencer e Jen conhecem-se ocasionalmente no hotel em que estão hospedados. De uma forma repentina os dois se apaixonam desesperadamente e então partem para o primeiro encontro. Após um jantar confuso e muita bebida Spencer leva Jen para o quarto dela. E de uma hora para outra decide contar sua verdadeira profissão. Só que adivinhem ela dormiu e não escutou nadinha.

Acho que o início do filme é forçado e serviu mais para mostrar a cidade do que o casal, em um filme que acontece tudo rápido demais você fica confusa se ele realmente é bom.

Após três anos de casados, Spencer descobre que sua cabeça estava a prêmio e eu acredito que aí sim começa o filme de verdade. Com muita ação, o filme segue monotonamente. Contraditório isso não? rs Acredito que um roteiro que tinha tudo para dar certo, perdeu-se na tentativa falida de transformar o filme em uma comédia romântica. Mas que falha terrível essa das grandes produções querer transformar qualquer filme em romance, existem produções que ficariam bem melhores somente com muita pancadiria e tiro, ou até um pouco de terror ou drama, me corrijam se eu estiver errada, mas um filme não precisa ser extremamente romântico para ser bom.

Um filme cujo um espião conta sua verdadeira identidade para uma mulher (ou qualquer outra pessoa) que acabou de conhecer, não me parece que o objetivo foi alcançado. Na verdade o que eu quero dizer é que Spencer não pareceu que havia treinado para ser um espião. Tudo bem, nós entendemos que ele podia estar desesperado para criar uma família, mas até os espiões mais mariquinhas sofrem um pouquinho antes de revelar tudo.

E você deve estar pensando. Que garota ridícula, revelando todo o filme! Acalmam-se, o verdadeiro ápice do filme só acontece pra lá de seus 50 minutos rodados 😀 rs Então fiquem tranquilos, esta resenha do filme não contém Spoilers. Ou quase não muitos! rs #Brincadeirinha.

Acho que o filme poderia ser um pouquinho mais longo e deveria ter explorado melhor a relação de Jen e Spencer. Acredito eu que ficaria bem melhor se tirassem aquele prelúdio terrível e mostrassem a forma como eles se conheceram em flashback’s, acho que seria bem mais digno. O filme não completamente ruim, é uma boa distração para um dia chuvoso como esse, acho que ele foi feito para pessoas que gostam de filmes que misturam ação e amor e não para críticos do cinema. Então, peguem a pipoca e o travesseiro, ou brigadeiro, chame a família e divirta-se, ou pelo menos distraia-se ;D

Obs: Eu li uma resenha deste filme, onde o “crítico” o definia como ridículo. Desculpe, mas não considero um crítico quem define um filme assim. Seja sincero, me dê os pontos críticos do filme, os pontos a se pensar, os melhores momentos, nem que seja somente a trilha sonora. Mas por favor, não defina nada como “Ridículo, Riidículoo!” porque se não, para mim quem acabará tornando-se ridículo será você. Sorry, mas se você se auto-denomina crítico, vá  assistir mais filmes e aperfeiçoar o seu modo de ver as coisas. Quando você escreve em um blog/site, você escreve para outras pessoas mais ou menos inteligentes do que você, mas de forma alguma subestime o seu leitor. Você está escrevendo para ele e não para você.

Beijos, Caah ❤

#Novidades Literárias #4

12 Set

Olá galera, alguém além de mim está sofrendo com a Segunda-Feira? Eu tenho um monte de coisa para contar para vocês, mas falta tempo!  Mas tentarei atualizar aos poucos. Com o fim da Bienal, está todo mundo deprê mesmo, mas eu prometo que o blog volta ao normal essa semana ainda! \o/ Vamos dar uma olhada nas últimas novidades?

Então, que tal começarmos com os lançamentos?

O Grupo Editorial Pensamento está cheio de novidades para nós! \o/ #TODOSCOMEMORAM!

Um dos livros que mais me chamou atenção no Estande da Pensamento foi o livro:

Casando com George Clooney

 Sinopse: Totalmente desperta no meio da noite (bem-vindos á menopausa!), Amy Ferris expõe cada um dos pensamentos que passam por sua mente, sejam eles histéricos, ridículos ou dolorosamente honestos. Além da fantasia de casamento com Georgeo Clooney, a insônia induz a autora a se entregar a muitos outros passatempos inusitados – desde usar a internet para procurar antigos namorados até pesquisar sobre doenças fatais, preocupar-se incansavelmente com seu marido, recorrer a comprimidos de Zolpidem e tentar arranjar cuidados para a mãe (que sofre de demência e curte uma paixão tardia por Jesus Cristo) -, tudo isso enquanto refreia seu impulso de acender “só mais um cigarro”.

Que loucura hein! rs Mas me diz quem nunca sentiu-se atraída por esse moço do sorriso irresistível!? =)

Um dos livros mais esperados do momento também, é o livro:

Nascida á meia noite, do selo Jangada.

 Sinopse: Kylie Galen está na pior. Seus pais vão se divorciar, seu namorado acaba de romper com ela e, uma noite depois de ser presa por estar na festa errada, com as pessoas erradas e na hora errada, sua mãe a manda para Shadow Falls -um acampamento para adolescentes problemáticos, localizado numa cidade chamada Fallen no meio de uma misteriosa floresta, e isso muda sua vida para sempre. Poucas horas depois de chegar, ela descobre, assustada, que seus colegas não são apenas “problemáticos”. Kylie nunca se sentiu normal, mas também não se considera uma daquelas aberrações paranormais. Ou será que é? Em Shadow Falls, vampiros, lobisomens, metamorfos, bruxas e fadas aprendem juntos a desenvolver seus poderes, controlar sua magia e viver no mundo normal.No entanto, as coisas tomam um rumo diferente quando Derek e Lucas entram em cena. Derek é um fae que possui poderes mágicos e quer a todo custo namorar a Kylie, e Lucas, um lobisomem com quem ela partilha um passado secreto. De início, tudo o que Kylie deseja é sair de Shadow Falls e voltar para casa. Porém, com Derek e Lucas ocupando um lugar cativo em seu coração, e depois de descobrir que ela própria tem estranhos poderes, talvez sua vida nunca mais volte a ser a mesma.

Quem ficou ansioso aí levanta a mão. \o/

Também quero vocês conheçam a autora  Lycia Barros. Ela escreveu os livros A Bandeja: Qual pecado te seduz? E Entre a Mente e o Coração.

Que tal conhecer um pouco mais sobre Entre a Mente e o Coração?

Acesse o site da Autora e fique por dentro de todas as novidades! =)

http://www.lyciabarros.com.br/blog/

E galera, a ganhadora dos marcadores do post: #Novidades Literárias – Especial #Bienal do Livro. Foi a Aione Simões. Fiquem ligados e comentem bastante! Quem sabe o próximo ganhador não pode ser você!? 😀

Beijos Caah, ♥

Resenha: Ler, Viver e Amar – Jennifer Kaufman e Karen Mack

8 Set

 Edição: 2
 Editora: Casa da Palavras / LeYa
 ISBN: 9788577341887
 Ano: 2011
 Páginas: 315
 Tradutor: Rogeria Pereira da Silva

  Skoob: Livro

  Sinopse: A Maioria das Mulheres faz compras. Algumas comem. Há aquela que fumam ou bebem. Outras ligam para o terapeuta. Dora cura sua tristeza lendo – às vezes por dias consecutivos. Separada pela segunda vez, sua vida se resume a ficar na banheira com vinho e livros – de Tolstoi a Mark Twain, de Flaubert a Jane Austen. Best-seller e livro cult na Costa Oeste americana mostra como a boa literatura pode ser reconfortante e um chave contra os momentos mais difíceis da vida. Tudo isso tendo como cenário a luxuosa Los Angeles, suas lojas, paisagens e ruas que moram no imaginário dos amantes de cinema e dos seriados de TV.

                                                                                                                                                               Prólogo.

Sempre imaginei o paraíso como um tipo de biblioteca.

Jorge Luis Borges (1899-1986)

O que dizer sobre algo que te deixa sem palavras? Sobre um livro que mesmo depois de horas, dias, de você ter virado a última página, ele continua vivo em sua mente e de repente, quando você menos espera, cenas dele invadem sua memória e te fazem lembrar dos melhores momentos. É exatamente isso que está acontecendo com este livro, não sei se porque ele teve esse grande impacto sobre mim, mas eu me lembro de cada paragrafo como se tivesse acabado de lê-lo.

Bom. Ler, Viver e Amar conta a estória de Dora. Uma heroína imperfeita que se esconde atrás dos livros. Com uma infância confusa e muitas viagens literárias, Dora torna-se uma admiradora irrevogável da leitura. Dora é uma mulher forte e extremamente inteligente, adora clássicos e uma boa taça de vinho, foi casada duas vezes, mas seu último casamento deixou um terrível rombo em sua vida social, não trabalha há um bom tempo e vive as custas da gorda herança que seu pai, deixara para ela.

Céus, como está sendo difícil resenhar este livro! rs Pois é como falar sobre mim. Me identifiquei completamente com Eudora, rs seu nome é em homenagem á Eudora Welty. Dora a descreve como: “Brilhante. Ler sua obra é como ler uma palhaçada vulgar. O ritmo é impecável.”O livro é repleto de citações famosas, de escritores famosos, de livros famosos e nos faz querer ser tão inteligente como Dora.

Chega uma parte do livro que você quase se convence de que não há terapia melhor do que a dos livros. Mas então tudo muda. Sabe, Dora está divida entre o inteligente galanteador e seu ex-marido doce e gentil. Ela quer seu emprego de volta, quer sua vida de volta. Mas encontra nos livros tudo aquilo que não conseguiu ter.

Sabe esse livro mexeu muito comigo, e agora me sinto como se tivesse 35 anos, eu queria ter a sabedoria e a bondade de Dora, que está sempre muito disposta a ajudar os outros, mesmo que isso não seja exatamente o que ela queria. Eu amei Palmer, que é o seu segundo Marido. Ele é um lindo! Simpático, galanteador, doce, apaixonante, mas por outro lado tem Fred. Que é inteligente imprevisível e sabe que tem um charme especial, e o usa muito bem “contra” as mulheres. Rs Os dois são incríveis, mas de uma forma diferente. Darlene, a melhor amiga de Dora é muito engraçada e tudo fica muito mais divertido e leve quando ela está por perto. Virgínia sua irmã torna-se seu Pilar mais precioso e vive e versa.

Ler, Viver e Amar, é um romance gostoso de ler e nos mostra que o melhor jamais será se esconder se auto-ausentar da população. Dora ama seus livros e isso a faz muito bem. Mas ela principalmente ama sua vida.

Jennifer e Karen ganharam minha admiração por sua inteligência e astúcia em escrever este livro que com certeza entrou para a lista dos meus favoritos.

Mini-Spoiler

Tem techo do livro, logo no comecinho que Dora cita os tipos de leitores, que ela e Palmer costumavam fazer piadas sobre a hierarquia silenciosa de leitores e o modo reservado com que lidam com um livro. Eu me encaixo nos Adoradores de livros:

“Elês mantêm seus livros cobertos (e não por que são romances), usam marcadores de páginas e absolutamente nunca deixam o livro tocar o chão. Eles olham para o livro como se fossem um ser com sentimentos, um objeto de desejo vivo, que respira, que precisa ser tratado com absoluto respeito. Eles leem cada palavra, até mesmo as notas de pé de página.”

E você? Que tal descobrir em qual você se encaixa? ;D Eu aposto que se você adora ler, irá amar este livro!

Nunca se deixe enganar por um homem que cita Cícero e Proust. Muitas vezes eles não são reais.

“A mistura de paixão pelos livros e comédia romântica é sedutora”

The New York Times. 

Beijos, Caah

#Novidades Literárias – Especial #Bienal do Livro

5 Set

Olá Galera e aew como vocês estão? Como foram de Final de Semana? Olha, eu vou te falar. Que loucura é esse negócio de Bienal hein! rs Estive lá no sábado e no domingo. E a minha cota de livros por ano já ultrapasssou o limite. Eu juro que tentarei não comprar mais nenhum livro até o NATAL!

Na verdade, tudo começou na Quinta-Feira, quando eu vi as Lindas da Raffa e da Iris conversando via twitter que haveria noite de autógrafos da Emily Giffin. Eu desesperadamente fui parar lá no Fashion Mall, um shopping que eu nem sabia que existia. Enfim, na quinta-feira algumas coisas deram errado, mas felizmente valeu a pena, a Emily é uma fofa e ainda bateu um super papo, “conosco” Blogueiras. Eu não consegui ver a Emily na Bienal, mas fiquei feliz por ter pego o autógrafo dela antes ^.^

Tinha uma galera linda lá! *-* A Ju, do Livros e Bolinhos, a Iris do Literalmente Falando, as meninas do Up! Brasil, a Bruna e a Renata, a Raffa do Livros minha terapia e a Caçadora de Livros. *-*

A sexta-feira fora inutilizada pela ansiedade e enfim! \o/ Chegou sábado. #TODOSCOMEMORAM.

No sábado enquanto eu esperava na fila da Alyson, encontrei a fofa da Carol Sabar, a autora de Como quase namorei o Robert Pattinson. Muito simpática ela, adorei mesmo tê-la conhecido.

Gente fiquei 5 horas e meia na fila da Alyn só para pegar o benedito do autógrafo! O que eu não faço por vocês hein!!! No aniversário do blog, dia 20 de setembro, quem sabe um sortudo de vocês não levem um livro autografado pela Autora?

Agora o domingo também foi muito legal, eu infelizmente não consegui pegar a senha para Hilary, aquilo estava uma loucura no domingo! Mas em compensação, rolou muita coisa bacana.

Conheci a Tamy Luciano e a Leila Rego, que estava fazendo uma palestra/bate-papo no Estande da Novo Conceito. O assunto central fora sobre  o Novo Conceito Digital, um novo selo da Editora. Elas são uns amores o papo fluiu tranquilamente.

'Me & Pedro'

Owt também vi o Maior Livro do Mundo! *-* Meu Lindão do PEQUENO PRÍNCIPE!

Galera, comentem bastante, estarei sorteando alguns marcadores entre os comentários. Em breve terei mais fotos e mais novidades para vocês.

Beijos, Mila ♥

%d bloggers like this: