Arquivo | 11:07 am

Resenha: Não sou esse tipo de garota – Siobhan Vivian – Editora Novo Conceito

16 Set

 Título: Não sou esse tipo de garota – Siobhan Vivian

 Edição: 1

 Editora: Novo Conceito Jovem

 ISBN: 9788563219381

 Ano: 2011
 Páginas: 248

 Skoob: Livro

  Sinopse: Perversa ou inofensiva? Confiável ou hipócrita? Controlada ou insensata? A vida é sobre suas decisões e escolhas, e Natalie Sterling se orgulha de sempre fazer as melhores. Ela ignora os caras populares e babacas da escola, sempre ganha medalhas de honra e está prestes a ser a primeira estudante jovem a ser presidente do conselho estudantil em anos. Se apenas todas as outras garotas fossem tão sensíveis e fortes. Como o grupo de novatas que querem ser brinquedos dos jogadores de futebol. Ou sua melhor amiga, que tomou uma decisão idiota que quase arruinou sua vida. Mas ser sensível e forte não é fácil. Não quando uma brincadeira quase a faz ser expulsa. Não quando seus conselhos dóem mais do que ajudam. Não quando um cara que ela já deu um fora se torna o cara que ela não consegue parar de pensar. A linha entre o certo e o errado foi distorcida, e cruzá-la poderá resultar em um desastre… ou se tornar a melhor escolha que ela já imaginou fazer.

Natalie Sterling é uma jovem sensata, centrada em tudo que faz. Atenciosa e boa amiga, ela sempre fora uma boa garota, durona com os garotos e até consigo mesmo, ela sempre achou que vivia uma vida, não perfeita, mas talvez até normal. Ela sempre achou que aquela era a vida que ela sempre idealizou. Mas quando o que era certo ‘supostamente’ tornou-se o errado. Sterling descobriu que havia muita coisa em sua vida que ela deveria repensar.

O que fazer quando sua melhor amiga não olha mais na sua cara, ou até mesmo que um garoto que você menos esperou, mostra interesses por você, ou pior ainda, quando você tenta defender uma pessoa que não quer ser defendida.

Comecei a ler Não sou esse tipo de garota ontem e terminei ontem mesmo. Foi paixão, amor, hipnoze na verdade! rs Sério gente, eu comecei a ler no ônibus de manhã no caminho do trabalho e estava devorando o livro a cada brechinha de tempo. Resultado, bati o recorde! Que eu me lembre nunca tinha lido um livro com tanta vontade e em tão pouco tempo (levando em consideração de que eu trabalho á tarde e estudo á noite).

O livro é leve, com personagens e a estória muito bem amarrada. Querem saber de UMA coisa que eu senti falta no livro? rs De uma descrição detalhada do carro de Natalie, não sei se eu que não prestei atenção, mas eu realmente queria saber como era. rs Fora isso o livro é incrivelmente perfeito.

Natalie é uma personagem cheia de si, mas que na verdade, tem muitos medos e inseguranças. O mundo dela desmorona quando tudo o que ela sempre acreditou passa a não ser verdade. O fato é que o problema não estava nos fofoqueiros do colégio, mas sim na própria Natalie, eu acredito que no decorrer de cada capítulo ela foi crescendo, se conhecendo e conhecendo novos sentimentos, que jamais havia experimentado antes. Seu teto de vidro havia finalmente quebrado, o que restava era saber qual a escolha era a certa. E afinal o que ou quem define o que é certo ou não? O que é certo para você, pode não ser para mim e vice and versa. rs

Autum, me irritou muito no final, e confesso que puxei um saquinho de Spencer. Apesar da ousadia de Spencer, ela se conhecia, ela realmente  sempre soube o que queria, quem era e o que deveria fazer, astuta e maliciosa, ‘foi fiel’ a amizade de Natalie até o fim. Acho que a amizade de Autum e Natalie fora baseada em cima da grande fraqueza/deficiência das duas. Uma por deixar que um erro do passado interfirisse no futuro e a outra pela incapacidade de entender que mesmo as pessoas sendo babacas, e idiotas, amigos são assim não é? Quem aqui não tem aquele amigo favorito que é um burrico? Mas que não o larga por nada?

O livro explora bem os pontos fracos dos adolescentes. Mostando de forma clara, as dúvidas que mais ‘nos’ perseguem – desculpe mas eu ainda me incluo nisso Okay? rs – Eu realmente gostei de ‘quase’ todos os personagens do livro. Menos do idiota do Mike e achei que ele merecia uma boa surra, por tudo que aprontou, mas a verdade é que quantos Mike Domkins existem por aí? Eles sempre existiram, e continuaram espalhando suas sementinhas do mal pelo mundo, mas a vida ensinou a Sterling que quando sabemos quem realmente somos, os Mike Domkins se reduzem a pó. Acho que alguém que se deva prestar atenção é Srta. Bee, ela é realmente alguém especial.

E quero pedir desculpas em público para Natalie Sterling! rs Porque eu desejei loucamente que o Connor fosse meu! rs Que menino mais fofo meu Deus, dá pra trazer ele pra minha casa agora de preferência? Obrigado. ^.^

Não sou esse tipo de garota, é realmente um ótimo livro e merece muito mais do que 5 estrelas, achei diferente dos livros ‘teen’s’ atuais que vem sempre com aquela mesma ladainha, além de superar minhas expectativas o livro me surpreendeu muito. Guarde um lugar especial na sua estante, este livro realmente merece todo o respeito do mundo.

Onde Comprar.

 

%d bloggers like this: