Tag Archives: Sucker Punch – Mundo Surreal

Sessão Pipoca: Sucker Punch – Mundo Surreal

22 Ago

Elenco: Evan Wood, Jena Malone, Jamie Chung, Abbie Cornish, Emily Browning, Carla Gugino, Vanessa Hudgens

Direção: Zack Snyder

Gênero: Drama/Suspense

Duração: 120 min.

Distribuidora: Warner Bros.

Sinopse: Feche os olhos. Abra sua mente. Você não estará preparado. Sucker Punch – Mundo Surreal é uma fantasia épica de ação que nos apresenta a imaginação fértil de uma jovem garota, cujos sonhos são a única saída para sua difícil realidade em um hospício. Isolada dos limites de tempo e espaço, ela está livre para ir onde sua mente levar, porém, chega o momento em que suas incríveis aventuras quebram o limite entre o real e o imaginário, trazendo consequências trágicas.

Prontos para entrarem em um mundo Surreal? rs Meu Deus gente, a quanto tempo não assisto a um filme tão incrível assim. Fiquei um bom tempo procurando palavras para começar a falar sobre o tal. No momento todas elas fugiram-me, estou estarrecida, com toda a sua qualidade no geral. Sua impecável fotografia, desde o primeiro minuto até o último, nos faz querer entrar no Mundo Surreal, nos faz querer senti-lo em ação.

Bom, o filme em si, conta a estória de uma menina que perdeu a mãe e tenta escapar do Padrasto malvado e pervertido, na tentativa de salvar sua irmã mais nova, acontece um terrível acidente onde a jovem perde  irmã e então fica á merce de seu temido Padrasto/Carrasco. Afim de ficar com toda a fortuna da Jovem a qualquer custo, o Padrasto a interna em um manicômio, o Lennox House, e então a Jovem (que em momento algum no filme é citado seu nome verdadeiro) cria em sua mente um Mundo Surreal, pois em dentro de cinco dias, ela passará por uma lobotomia, que pode mudar para sempre sua vida. (para quem não sabe, lobotomia é uma cirurgia feita para apagar a memória de uma pessoa, deixando-a catatônica, é como se a pessoa perdesse sua alma, hoje em dia, um pequeno número de países ainda realiza procedimentos cirúrgicos semelhantes, porém dentro de indicações muito estritas.)

 O filme começa e fico meio constrangida por não estar entendendo. E então a estória começa a desenrolar-se, com um bocado de câmera lenta, ás vezes fica difícil acompanhar certas coisas, de tão lento que fica.

E então eu enfim me transportei para dentro da tela, para ficar ao lado de Baby Doll, como se denomina nossa queridinha “Protagonista”. rs Ridículo isso não é? rs Eu sei, desculpem-me por isso, mas foi o que EU senti. Eu confesso, queria que a Minha Vanessa aparecesse mais, e quando lançaram a notícia de que ela estaria no filme eu fiquei triste quando descobri que ela não seria a protagonista. Pessoas que não gostam dela á parte, eu achei bem digna a atuação. Com um tempo surpreendedoramente bem divido entre as 4 “coadjuvantes.”

Quando Baby Doll cria o Mundo Surreal, o hospício transformasse em um Cabaré, onde as internas são prostitutas. As rompantes entre um o real e a fantasia, são tão intensas e constantes que ás vezes você fica perdido e acha que tudo transformou-se em uma coisa só. E os dias que Baby Doll aguarda sua lobotomia, transforma-se em “fases”, em cada fase ela com a ajuda de suas amigas, Blondie, Rocket, Sweat Pea e Amber, terão que capturar os cincos elementos (um oculto) para a fuga, daquela torturante prisão.

Não somente para os Nerd’s, mas principalmente para os homens o filme é uma delícia, com muita ação, e mulheres vestidas com roupas sensuais atirando para todos os lados. Ouvi críticas pesadas sobre o fato de o filme ser talvez apelativo demais. Mas também ouvi muitos elogios, dessa incrível produção de Zack Snyder. Acho que o filme peca um pouco no enredo, algumas coisas, se perdem no ar, em meio a tanta ação. Mas vale pelos efeitos especiais e pela nostalgia de lembrar dos jogos de Resident Evil. Algo que chamou muito a minha anteção, foi o sentimento de proteção que Sweat Pea, tem para com sua irmão Rocket. Em um filme de ação onde sentimentos genuínos perdem-se, ainda há bondadde bem lá no fundo. Com um final morninho, porém original.

Embalado por uma fantástica e hipnotizante Trilha Sonora, contando com a presença das atrizes, EmilyBrowning e Carla Gugino, Sucker Punch me deixou sem palavras, e ainda acho que não o descrevi bem!

Anúncios
%d bloggers like this: